Siga nosso Instagram Siga nossa fanpage Siga nosso Twitter Siga nosso Youtube

O estado do Rio em suas mãos 

Quinta, 12 Março 2020 21:52

Defesa Civil nas Escolas: 18 atividades realizadas em uma semana

Coluna
Evento Escolar Defesa Civil Evento Escolar Defesa Civil Foto Divulgação

Calendário começou na última quinta-feira (05.03) na E.M. Paulo Freire


Por ASCOM PMP

Uma semana após a abertura do calendário de atividades, 18 trabalhos já foram desenvolvidos para o Defesa Civil nas Escolas. Nesta quinta-feira (12.03), os agentes estiveram na E.M. Jandira Bordignon, no Quitandinha, e no CEI Professora Tina Grazinoli, no Centro, desenvolvendo as tarefas relacionadas ao programa. Mais de 50 alunos participaram do jogo da turma do Pedrinho e de palestras com os temas Defesa Civil e Educação Ambiental.

Quatro trabalhos desenvolvidos

Na quarta (11), as equipes estiveram na E.M. Marcelo Alencar, no Espírito Santo, na E.M. Stefan Zweig, no Quitandinha e na E.M. Prefeito Jamil Sabrá, no Centro, realizando as atividades do programa. O calendário começou com a entrega de quatro trabalhos desenvolvidos na E.M. Paulo Freire.

Neste semestre, todas as escolas da rede municipal irão realizar trabalhos envolvendo as ameaças de inverno: incêndio florestal e estiagem. As estaduais e particulares também estão sendo convidadas. "Falar de Defesa Civil em sala de aula é fundamental em uma cidade como a nossa. Ganhamos o reconhecimento internacional por isso", explica o secretário de Defesa Civil e Ações Voluntárias, coronel Paulo Renato.

Premiar as escolas que foram destaque

Ainda neste mês, a Secretaria de Defesa Civil vai premiar as escolas que foram destaque no ano passado. Ao todo, 49 instituições produziram quatro ou mais atividades em cada semestre e são consideradas escolas ouro. Outras 17 fizeram três trabalhos e são prata e 19 são bronze, já que desenvolveram duas tarefas sobre as ameaças de cada estação.

"Iremos homenagear a escola que entregou suas atividades primeiramente e, ainda, aquela que mais produziu para o programa", conta o secretário de Defesa Civil. “A ideia de transformar a forma de pensar da população passa diretamente pelo ensinamento nas escolas. A criança é uma ferramenta que propaga a informação, educando os pais e os parentes”, completa o prefeito Bernardo Rossi.

Defesa Civil nas Escolas envolveu 212 instituições

Programa genuinamente petropolitano, o Defesa Civil nas Escolas envolveu 212 instituições de ensino no ano passado, sendo 180 da rede municipal, 30 particulares e outras duas estaduais, em 1.239 atividades. Pioneiro no país e referência no Estado na prevenção de desastres, a atividade está alinhada à estratégia internacional de redução do risco de desastres das Organizações das Nações Unidas (ONU).

Outro reconhecimento importante é que o município foi selecionado para sediar o encontro da ONU sobre escolas seguras e cidades resilientes no Brasil. As Nações Unidas ainda irão anunciar a data do evento, que acontecerá neste ano.



O Rio de Janeiro em suas mãos pela Destinos do Rio

Curta nossa página no Facebook.

Fechar

luciano aguiar de azevedo5
"Integrando os 92 municípios do estado"
(Luciano Azevedo/CEO fundador)
LEIA O EDITORIAL

Amigos da Destinos do Rio

Conheça as prefeituras, projetos, empresas, instituições, agências e assessorias da rede de colaboração de conteúdo.